quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Conhecendo a falésia da Cachoeira do Onça.



Fala pessoal,

Neste último final de semana eu e a Simone fomos escalar na região do vale do Paraíba.

Saímos de Atibaia no começo da tarde com destino direto até a cidade de Pindamonhangaba, uma vez que nossa hospedagem seria na fazenda Nova Gokula. Assim que chegamos em Pindamonhangaba fomos tomar uma cerveja num bar chamado "Armazém do Português" e depois de fazer compras fomos para a fazenda onde dormimos.

Na dia seguinte levantamos e fomos direto tomar café (na fazenda) para depois ir para a falésia Paraíso, excelente local de escalada, com mais de 140 vias esportivas, com grau até 9b mas com diversos projetos a serem liberados pelas feras. Como já fomos várias vezes pra lá e já conhecemos bem os setores decidimos refazer algumas vias que já tínhamos escalado.


Fomos para o setor do "Seu Renato", excelente local para se escalar durante a manhã, devido ao sol e por onde ficamos até umas 13h30 fazendo as seguintes vias: Família Addams (5ºsup), Marronzinho (6º) e Nervo Ciático (7a).

Dali fomos então para o setor da Batcaverna (com muita sombra) e terminamos escalando as seguintes vias: "Pinguim" e "Robin" (ambas 4º, com a Si guiando a "Robin"), a "Gotan City" (5º), Bat-talhadeira (4º - bem suja) e por fim a "Mulher-gato" (5ºsup). Foram oito vias e como a Si queria comprar um bíquini pro dia seguinte fomos embora pra cidade, onde acabamos jantando no "Boteco do David".

No dia seguinte havíamos decidido conhecer um novo point de escalada, em Guaratinguetá, chamado de "Falésia da Cachoeira do Onça". Um pouco distante da falésia Paraíso, porém vale a pena conhecer, ainda mais no verão, em virtude da sombra que o local oferece. Infelizmente a falésia não é grande e são em torno de 20 vias disponíveis, somente. Dessas somente uma está na casa do 5º grau e mais uma de 6º (em móvel), sendo todas as demais graduadas em 6ºsup ou mais fortes. Para chegar lá não é difícil. Basta entrar em Guaratinguetá e ir para a rodoviária. Chegando lá siga as indicações no trânsito para a EEAR (Escola de Especialistas da Aeronáutica). Preste atenção pois quando você cair no anel viário Mario Covas deverá ir até o final e a partir daí seguir as placas indicativas para o bairro de "Pedrinha". Siga pela estrada sentido pedrinha e poderá começar a ver placas indicando um lugar chamado "Gomeral". Continue em direção ao Gomeral, sendo que uns 3-4 km após passar o Gomeral irá ver um restaurante do lado esquerdo da estrada (já de terra). Pare ali informe que pretende escalar na falésia e pague a quantia de dez reais por pessoa. A pessoa irá lhe passar outras orientações de como chegar na falésia/cachoeira.

Bom... chegando lá, eu e Si escalamos somente duas vias (as duas mais fáceis): a via "Chapa Única", um quinto grau bem vertical, porém com agarras boas e depois como havia levado os móveis escalamos a fenda Futum (um 6º). A fenda apesar de um pouco suja é bem bonita e vale a escalada. Na ocasião eu usei 4 peças (do #1 ao #4, uma de cada).




Dali seguimos para a bonita cachoeira que nos valeu um banho gostoso, de onde seguiríamos para a nossa Atibaia, chegando em casa umas 20h. Valeu a pena a escalada.

Para melhores informações sobre a "Falésia da Cachoeira do Onça" é possível acessar o site: www.cadenaescalada.com/. No mais deixo aqui o croqui com a relação mais atualizada das vias:


1. Chapa única - V - Inácio Bianchi, Cláudio Medeiros e Luís Flávio Oliveira

2.Vagabundos Iluminados, VIIa, Cláudio Medeiros e Inácio Bianchi

3. Enxutinha, VIIb, Inacio Bianchi e Gilson Oliveira.

4. Canto da Iara, VIIIb. Luis Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Gilson Oliveira

5. Vassoura Selvagem, VIIa Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Cláudio Medeiros, Gilson Oliveira

6. Just In Time, VI sup, Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Cláudio Medeiros, Gilson Oliveira.

7. Via Crocs, VIsup, Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Gilson Oliveira e Rogério Nogueira.

8. Ressonância VIIb, Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Cláudio Medeiros.

9. Fenda Futum, VI móvel (camalots do #.5 ao #4), Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Claudio Medeiros.

10. Clima 10, VIIb, Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Claudio Medeiros. 

11. Martelo de Thor,  VIIIa (confirmar), Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Claudio Medeiros.

12. Só Viagem, VI sup móvel (camalots do #.1 ao #.75), Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Claudio Medeiros.

13. Prepara a Periquita VIIa - Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi e Cláudio Medeiros.

14. Deu na conta - VIIIa - Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi e Cláudio Medeiros.

15. Fenda Fio da meada - VIIa móvel (camalots do #.2 ao #2) - Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi e Cláudio Medeiros.

16. Por pouco - projeto - Inácio Bianchi, Claudio Medeiros e Rafael Luperni.

17. Highline - VIIb - Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi, Cláudio Medeiros e Rafael Luperni.

18. Gnomo - projeto - Luís Flávio Oliveira, Inácio Bianchi e Cláudio Medeiros.

19. Vendaval - VIIa - Cláudio Medeiros e Inácio Bianchi.

20. Molhadinha, VIIa, Inácio Bianchi, Gilson Oliveira.  

Caso tenham dúvidas a respeito da Falésia da Cachoeira da Onça, me mandem um email ou me chamem no facebook. Grande abraço a todos!


A cachoeira do Onça.



Nenhum comentário: